segunda-feira, 28 de março de 2011

Aconteceu no Sábado 26 de março

Noite tranquila, vários casais bonitos entrando no clube, como de praxe , ficamos próximos a subida da recepção recebendo todos, os que se identificavam sendo a primeira vez no clube, minha esposa os mostrava a casa explicando detalhadamente todos os ambientes e os deixando a vontade para ficarem onde quisessem e que qualquer coisa estaríamos alí para resolver qualquer problema, é só falar com a gente, algum inconveniênte pode sempre acontecer, apesar de não ser normal no Mistura Certa, pois sempre estamos circulando e nos antecipando a eles, antes que algo aconteça e estrague a noite de nossos clientes e amigos.Nessa hora somos o mais profissionais possível, primeiro nossas responsabilidades com a casa e com seus frequentadores, com a certeza que tudo está tranquilão, nos soltamos mais um pouco e nos deixamos levar pelo clima de tesão das noites.


Assim foi nesse sábado, após alguns beijinhos e sarros pela pista dançando ao som do nosso DJ que mandava muito bem, vimos passar um casal que admiravamos a muito tempo , mas que parecia não nos dar bola de forma alguma , tentamos diversas vezes nos aproximar, uma das noites com minha esposa a pegando pela mão no momento que nos cruzavamos pelos corredores, mas "nada", ela sempre parecia não nos querer, como não gostamos de forma alguma ser indelicados, entendemos que não somos o objeto de desejo de todos, é claro , somos um casal normal, não somos "Deuses Gregos", somos normais !

Quando na maior surpresa na volta do banheiro , minha gata me diz :

Sabe quem estava agorinha mesmo batendo o maior papo no banheiro?

eu respondi que nem imaginava.

Ela me disse :

_ aquela gostosa de vestidinho verde, daquele casal maneiro, mas que nunca nos dão bola.

A esposa disse no banheiro que era muito envergonhada e preocupada de encontrar algum conhecido no clube e que o marido dela sempre que eles subiam da recepção , falava que aquela loirinha sempre os comprimentavam quando eles chagavam , mas ela nem respondia nada.

Assim nós entendemos que eles não tinham nada contra a gente e sim era deles mesmo tentar passar o mais dispercebidos dentro do clube, se é que isso é possível, pô um casal maneiro, sendo que a esposa é mais do que gostosa, chama atenção mesmo, com aquele corpão, aquelas pernas, aquela bunda, .... aff, melhor parar de descrever se não vou ficar mais ainda com tesão.

Após dar algumas voltinhas pela casa, e parar um pouquinho para observar pelo vidro o tesão que rolava no espaço de fora do lado de fora das cabines com buraquinhos, derrepente quem se aproxima e para ao nosso lado ? O casal que relatamos, minha esposa ainda brincou com ela , mas eles são realmente tão cabreiros que não repararam novamente que éramos nós que estavamos alí, eles pararam somente para observar assim como estavamos fazendo, novamente respeitamos o direito que cada um tem e ficamos nos sarrando e olhando aquele corpão.

Nisso eles resloveram sair e para nossa surpresa eles tinham ido era lá pra dentro do lugar que estavamos olhando, curtimos mais ainda aquela visão, com eles pertinhos de nós se agarrando e se sarrando , quando eu disse pra Sra.Lamour:

_Puts, tanto tesão separados por uma parade e um vidro.

Resolvemos dar mais uma investida, mas muito delicada, fomos lá pra dentro também e paramos bem do ladinho deles, mas sem toca-los de forma alguma, somente ficamos nos sarrando e demontrando com olhares o quanto estavamos curtindo aquele momento ao lado deles cheios de tesão tb , mesmo que nem encostando nem um pedacinho de pele, somente sentino o calor e a atimosfera de tesão.

Sem mais aguentar minha gatinha desceu abrindo minhas calças e colocou minha pica pra fora e maestrosamente começou a me chupar.

Nisso claro que minha gata aproveitava e exibia o quanto minha pica estava grande e dura para ela que nesse momento eram eles que estavam nos observando tando quanto nós estavamos a eles.

Nesse momento se contorcendo de costas para o marido dela que alisava por baixo que seu vestido, ela ameaçou a chegar com a mão próximo da gente e rapidamente o marido dela tirou um copo descartável que estava em uma de suas mão e demonstrou permissão para que ela fizesse o que estava louca para fazer, assim foi , ela pegou na minha pica e me punhetava muito gostoso, que mão , aff, nisso a minha esposa bem suavemente começou a acariciar suas pernas para perceber se poderia ir mais além, eles permitiram e quando demos conta estavamos agarrados ao casal no maior sarro e carícias de tesão.

Parecia mentira, que era um sonho, mas não, estávamos mesmo alí com aquele casal.

Foi acontecendo tudo de bom que possam imaginar, até que ela vira aquela bunda gostosa para o maridão meter nela, nisso eu também peguei minha gostosa , coloquei de costas para mim e comecei a meter gostoso.

isso mesmo já estávamos passando de uma brincadeira com carícias a transar no mesmo ambiente.

Até que então o marido dela tirou a pica da buceta dela e ela foi suavemente virando aquela bunda maravilhosa para meu lado, perguntei baixinho ao marido dela se eu podia meter também, ele disse que não, ou sei lá, parecia ter dito não, na dúvida acho melhor entender que não, do que ficar insistindo e acabar quebrando o clima que estama maravilhoso. Em meio outros sarros e chupadas ela agaixada cupando as nossas duas picas e dando lambidas na buceta molhada da Sra. lamour , ouvimos ela perguntando se não tinhamos camisinha, minha esposa olhou para mim com um brilho nos olhos e eu rapidamente disse que sim peguei duas no meu bolso e dei uma para o maridão e mostrei que fiquei com uma.

Pronto , camisinha eu tinha e cada um estava com uma na mão, queria saber o que eles queriam se era pra mim , ou pra ele ou para nós dois mesmo meter nelas com esposas trocadas.

Ele pegou a dele e colocou no bolso, eu entendi que se era pra ter camisinha, ele guardou a dele, então o que estava ficando claro é que era pra eu meter nela, rapidamente com o maior cuidado para ficar direitinho , coloquei minha camisinha, nisso ela pegou na minha pica e perguntou a minha mulher se eu podia comer ela, Sra. Lamour respondeu :

É tudo que eu mais quero ver.

Assim foi, ela colocou aquela " BUNDA " virada pra mim e eu meti minha pica sentindo cada milimetro entrar bem devagarino, depois sim comecei a meter com mais força, o clima esquentou ainda mais, a minha gata se abaixou e mamou novamente a pica dele, nisso ela tirou minha pica , virou de frente, se encontou na parede e mandou eu meter nela gostoso, só que agora de frente, eu levantei suavemente uma de suas pernas e meti novamente naquela buceta, aff, que tesão que estava eu metendo nela assim, minha esposa bem de baixo de nós abaixada chupando a piroca dele.

A essa altura não tinhamos mais pernas para ficar alí, destrocamos de casal e cada um meteu na sua, com mais gosto ainda, ele gozou na buceta dela e nisso a minha esposa se abaixa e volta a mamar minha pica me pedindo leite pra beber, eu falei para ela que ia sim dar bastante leitinho apertando aquela bunda que tanto já olhamos de longe passando em nossa frente dentro do Mistura Certa.

Gozei feito um louco, pensei que fosse até sobrar e derramar um pouco pelo rosto da Minha Lamour, mas não, ela engoliu tudinho, do jeitinho que ela gosta.



Em casa fudemos muito lembranbdo de todos esses momentos que está relatado acima.



Queremos muitos bis de tudo isso, esperamos que os envolvidos também queiram.

PS: Me perdoem algum erro de portugues, mas espero que compreendam que lembrar disso tudo de uma só vez, digitar isso pra vcs, as 3 postagens acima, tentando relatar ao máximo os detalhes, ver minha esposa deitadinha ao meu lado com essa bunda gostosa virada pra mim, não dá pra prestar atenção em tudo, nem muito menos perder tempo em voltar pra corrigir, vai para o blog assim mesmo porque eu vou fuder minha mulher!

Nenhum comentário:

FOTOS

Assim bate nossos corações
Assim bate nossos corações
Assim bate nossos corações

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP